28ª Sessão Ordinária: Diretora da Etec faz uso da Tribuna Livre para informar sobre oportunidades

Publicado em: 26 de setembro de 2017

A 28ª Sessão Ordinária da Câmara de Vereadores de Itu, realizada na última segunda-feira, 25 de setembro de 2017, contou com a presença de todos os Vereadores da Casa, exceto o Dr. Benedito Roque Moraes, que está de licença médica e deve retornar na próxima semana.

A diretora da Etec Martinho Di Ciero, Juliana Tonon Oliveira Prado, fez uso da Tribuna Livre para informar que as inscrições do Vestibulinho 2018 estarão abertas a partir do dia 02 de outubro de 2017 através do site: http://www.vestibulinhoetec.com.br/.

Juliana ressaltou as dificuldades em formar quórum para abrir novas turmas, mesmo o ensino sendo de alta qualidade e gratuito, e da escassez de recursos para realizar uma ampla divulgação dos cursos oferecidos. Além da formação técnica, a ETEC também possui o Ensino Médio integrado ao técnico. A docente ainda destacou que a escola é pólo de robótica do Centro Paula Souza e ficou em 12º lugar na primeira competição disputada. Para saber mais sobre os cursos da Etec Martinho Di Ciero, acesse: http://www.etecitu.com.br. A instituição também realizará, no dia 11 de outubro, das 9h às 17h, o evento “Etec de Portas Abertas – EPA”, onde todos os interessados podem conhecer as instalações e conversar com alunos e professores.  O endereço é: Av. Barata Ribeiro, 410 - Vila Prudente de Moraes. Telefone: (11) 4024-1009.

Votações

Na ocasião foi votado em discussão única o projeto de decreto nº 15/2017, de autoria do Presidente da Câmara, Dr. José Galvão, que concede o título de cidadania ituana ao Pastor Abraão Moreira da Silva pelos relevantes serviços prestados à população ituana. Abraão é fundador da Igreja Assembleia de Deus Ministério Fonte de Esperança, localizada na rua São Pedro, 237 – Vila São Francisco. Por 11 votos a zero, o título foi aprovado e será outorgado em data a ser definida.

Em 2ª discussão estava o projeto de lei nº 75/2017, de autoria do Vereador Rodrigo Macruz, que propõe o uso de lâmpadas de Led na iluminação pública de novos loteamentos e empreendimentos imobiliários do município.

Também foi discutido pela segunda vez o projeto de lei nº 92/2017, proposto pelo Vereador Normino da Rádio, a respeito de alterações da Lei 4195, de 20 de maio de 1998, sobre a proibição do uso de cerol e de qualquer material cortante em linhas de pipa e que também institui no município a campanha “Pipa Sem Cerol”, para sensibilizar e conscientizar a população, especialmente crianças e adolescentes, sobre os riscos à vida humana em decorrência do uso de cerol e outros materiais cortantes, como a linha chilena.

O projeto de lei nº 93/2017, de autoria do Vereador Dito Roque, que institui a campanha Setembro Verde, cujo objetivo é dar visibilidade à pessoa com deficiência, também esteve em pauta em 2ª discussão, bem como o projeto de lei nº 95/2017, de autoria do Vereador Giva, que assegura a carteira de identidade funcional dos inativos aos Guardas Civis Municipais aposentados, seja por tempo ou por invalidez.

Em primeira discussão estava o projeto de lei nº 77/2017, de autoria do Vereador Henrique de Paula, propõe que deficientes visuais recebam, além da versão convencional do carnê do IPTU, uma versão em braile.

O Vereador Luciano do Secom propôs o projeto de lei nº 96/2017, que visa instituir no dia 1º de setembro o Dia do Profissional de Educação Física no município de Itu. Já a Vereadora Maria do Carmo sugeriu, através do projeto de lei nº 97/2017, a campanha “Medicamento Vencido”, cujo objetivo é conscientizar a população e dar destinação ambientalmente correta aos produtos. Ambos foram votados em 1ª discussão.

Todos os projetos de lei foram aprovados por unanimidade e, agora, os projetos aprovados em segunda discussão seguem para o Executivo Municipal.


Cadastre-se e receba notícias em seu email