Notícias

Tribuna Livre: Vigilância Epidemiológica de Itu esclarece dúvidas sobre Covid-19


Com objetivo de manter a população bem informada a respeito da situação de Itu em relação ao Covid-19, a coordenadora da Vigilância Epidemiológica de Itu, Lúcia Helena Rubira Pacífico, fez uso da Tribuna Livre na 8ª Sessão Ordinária de 2020, realizada na tarde de 23 de março de 2020.

Lúcia declarou que os pacientes estão sendo monitorados por profissionais de saúde e permanecem isolados.  De acordo com o Boletim do Coronavírus Nº 07, divulgado pela Prefeitura de Itu no fim da tarde desta segunda-feira (23), o município possui 80 casos suspeitos, 06 casos descartados e nenhum confirmado de Covid-19.

A respeito de um óbito ocorrido na cidade de Salto de uma mulher de 35 anos portadora de Lúpus, a profissional esclareceu o caso está sendo monitorado por se tratar de uma morte por insuficiência respiratória, bem como o óbito de um paciente com mais de 80 anos ocorrido em Itu pela mesma razão, mas não se sabe ainda se os pacientes tinham Covid-19.

Realização de exames de Covid-19

A enfermeira esclareceu que hoje todo o país encontra-se em situação de epidemia e que não é viável realizar exames em todas os pacientes que chegam às unidades de saúde com sintomas leves.

O Instituto Adolfo Lutz, responsável pela realização dos testes de casos suspeitos, atende todos os municípios do Estado de São Paulo, o que inviabiliza a realização de exames em todos os casos suspeitos.

Desde 17 de março, estão sendo testados apenas casos graves e moderados. A única exceção são os profissionais de saúde que tenham suspeita de Covid-19.

Panorama

Estima-se que 80% dos casos de Covid-19 apresentarão sintomas leves, quando a orientação é de hidratação e isolamento por 14 dias, medidas que se mostraram eficazes em países que já estão passando pela epidemia há mais tempo.

15% dos casos devem ter sintomas moderados, quando pode ser necessária a internação, e 5% dos infectados desenvolverão a forma mais grave da doença. 

A profissional enfatizou que a Secretaria de Saúde tem adotado as medidas necessárias para evitar o colapso na área da saúde. No momento Itu conta com 20 leitos de UTI no Hospital São Camilo. Outros 09 leitos estão sendo preparados no Hospital Municipal.

“Não é momento para alerde, não há necessidade de pânico, os serviços de saúde estão preparados”, declarou a enfermeira, que também ressaltou o importante papel da equipe de segurança que está de prontidão nas ruas.

Internação social

Lúcia esclareceu ainda que existe critério social para a internação de alguns pacientes que não possuem quadro clínico grave, quando estes estão em situação de vulnerabilidade e não possuem condições de realizar o isolamento social.

Informações falsas

A coordenadora da Vigilância Epidemiológica aproveitou a oportunidade para alertar sobre informações falsas que circulam em redes sociais e desmentiu um áudio que dizia que apenas o exame de ressonância magnética seria capaz de detectar sintomas de Covid-19.

Velórios e UTI

Pacientes que estão na UTI estão proibidos de receber visitas.

Qualquer velório que ocorra no Município de Itu tem duração máxima de duas horas e com autorização de presença de até dez pessoas na sala.  No caso de uma morte suspeita por Covid-19, não haverá velório. Lúcia lamentou a situação, mas afirmou que as medidas se fazem necessárias para evitar riscos de contaminação.

Canais Oficiais

A profissional orientou a utilização da página oficial do Ministério da Saúde https://coronavirus.saude.gov.br/, que é a mais atualizada a respeito dos casos.

O telefone 136, o “Disque Saúde” do Ministério da Saúde também pode ser utilizado para obtenção de informações.

Campanha de Vacinação

Lúcia Helena aproveitou a oportunidade para falar a respeito da Campanha de Vacinação contra gripe, que teve início hoje (23). Medidas de prevenção à disseminação do coronavírus estão sendo adotadas na campanha.

Nesta primeira fase da campanha, pessoas com mais de 60 anos e profissionais da saúde devem ser imunizados. Os demais grupos terão acesso à vacina conforme calendário do Ministério da Saúde.

Lúcia também agradeceu à Câmara de Itu que disponibilizou quatro de seus veículos para uso da Secretaria de Saúde.

Pessoas com problemas de mobilidade devem procurar  o CAIME (Centro de Convivência da Melhor Idade) – Telefone: 4013-2017 – ou o Serviço de Atenção Domiciliar – Telefone: 4850-8221. A Secretaria de Saúde irá atender as demandas de acordo com a prioridade clínica, ou seja, casos que envolvam maior risco terão prioridade.

ATUALIZAÇÃO: os estoques de vacina contra gripe se esgotaram no município. A Prefeitura de Itu deverá informar quando novas doses estiverem disponíveis.  


Outras Notícias

Fique por dentro

Considerando a determinação do Governo do Estado de São Paulo para antecipação do feriado estadual de 09 de julho (Revolução Constitucionalista de 1932) para o dia 25 de Maio de 2020 (segunda-feira...

Leia Mais

A Secretaria Municipal de Saúde informa que Itu conta com 117 casos confirmados, 238 casos descartados (exames negativos) e 17 aguardando resultados (09 internados e 04 em UTI). Até o momento, 72 c...

Leia Mais

A Secretaria Municipal de Saúde informa que Itu conta com 112 casos confirmados, 227 casos descartados (exames negativos) e 15 aguardando resultados (06 internados e 05 em UTI). Até o momento, 67 c...

Leia Mais

Realizada em 19 de maio de maneira remota, a 15ª Sessão Ordinária de 2020 contou com a presença de todos os vereadores da Casa. Tribuna Livre O Secretário Municipal de Segurança, Trânsito e Trans...

Leia Mais

Libras
Acessibilidade com Libras

VLibras

O conteúdo do Portal da Câmara Municipal de Itu pode ser traduzido para a LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais) através da plataforma VLibras.

Clique aqui (ou acesse diretamente no endereço - http://www.vlibras.gov.br/) e utilize a plataforma.